segunda-feira, 16 de julho de 2012


Mikhail Dubrinksy é o Príncipe dos Cárpatos, o líder de uma sábia e secreta raça ancestral que vive na noite. Tomado pelo desespero, com medo de nunca encontrar a companheira que iria salvá-lo da escuridão, a alma de Dubrinksy gritava na solidão. Até o dia em que uma bela voz, cheia de luz e amor, chegou a ele, atenuando sua dor e seu anseio. 
Raven Whitney possui poderes telepáticos e os utiliza na captura dos mais depravados serial-killers. Desde o momento que se conheceram, Raven e Mikhail foram incapazes de resistir ao desejo que faiscava entre eles. Mas forças sombrias tentarão destruir esse frágil amor. E mesmo que sobrevivam, como poderão - cárpato e humano - construir um futuro juntos?


Vamos começar com a narrativa da autora Christine Feehan, que discorre o texto de maneira a detalhar o maior número possível de locais e personagens, e deixa o leitor muito familiarizado com os ambientes e identidades. Devo já dizer que a autora é melhor descrevendo cenários do que registrando as falas dos personagens.

A história se passa em um presente indeterminado (ou pelo menos, eu não vi nenhuma data), e conta a história de Mikhail Dubrinksy, o Príncipe dos Cárpatos, e Raven Whitney, uma humana que tem poderes telepáticos e os utiliza na captura de serial-killers. Um cárpato não sobrevive muito tempo sem sua real companheira - os machos perdem a capacidade de enxergar as cores ou de sentir emoções, caindo no escuro, e somente a verdadeira alma gêmea é capaz de trazer estes sentimentos e cores de volta. Mikhail já tinha perdido a esperança de encontrar a sua metade quando escutou os primeiros pensamentos de Raven. A conexão foi instantânea e ligou os dois de uma forma transcendental, devolvendo a vida para  Mikhail. Claro que nem tudo é moleza e muitos problemas aguardam nossos protagonistas, deixando-os em uma sinuca: será que dois mundos tão diferentes conseguem uma conciliação e vivem em harmonia? E como fazer, já que Raven é humana e há um detalhe: as humanas que sofreram a tentativa de se transformarem em cárpato ficaram loucas e mortas vivas que sugam sangue...

Bem, a história é um pouco clichê: o homem lindo sobrenatural desanimado com a vida encontra uma humana especial, linda e inteligente, e não consegue mais viver sem ela. Mas, eu vou contar um segredo para vocês: eu adoro esses clichês! Eu adoro literatura fantástica! E eu gostei de Príncipe Sombrio! Só não adorei por uma razão: tinha horas que a autora apelava tanto que até para um livro sobrenatural era barra forçada. Talvez eu esteja um pouco chata (ou seja), ou somente algumas partes não me convenceram e/ou foram monótonas... Mas garanto que foram poucas estas partes.
O livro é quente! Muitas cenas sensuais – o que dá aquele gás na obra, mas antes que apareça algum comentário maldoso: não é um livro sexual! Apenas tem passagens lascivas, que dão aquela apimentada na leitura – o que é bom, já que eu já estou cansada de tramas adolescentes. São boas, mas estas direcionadas ao público jovem/adulto são muito melhores – obviamente, depende da idade que você se encontra hehe.
O livro é bem escrito – tanto que ganhou o PEARL Awards de romances paranormais, e a editora deixou passar poucos deslizes – uma pontuação aqui/acolá, uma ou outra letra no local errado, mas nada que estragasse a leitura.
Não vou comparar com outra série amada da editora (IAN), por que seria jogo sujo né? Ainda mais eu, que sou fã assumida da série da Ward! Mas posso garantir que a Universo dos Livros não errou na mão ao editar e lançar esta obra. É interessante e penso que vocês vão gostar!


Não deixe de visitar o blog... Você é muito bem-vindo!!
Reações:

10 comentários:

  1. Fiquei intrigada para conhecer, afinal um bom clichê é ótimo, rsrs. Achei interessante o fato da humana que se transforma, fica louca e se transforma em uma morta viva, quero saber como o casal vai superar esse obstaculo!

    Bjs

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mininaaaa, então! O livro é bem interessante mesmo!! Que bom que você gostou! o/

      Excluir
  2. Gostei... e fiquei meio chocada com as mortas vivas que sugam sangue... que horror!!!
    Espero que a garota apesar de humana se dê bem, pelo menos por conta de seu "poder".
    Gostei muito e fiquei curiosa!!! Tava querendo mesmo saber o que é Cárpato e vc resolveu!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dani! Fiquei muito feliz em saber que pude tirar uma dúvida sua!

      Excluir
  3. Nossaaaaaaaa... Adorei a resenha e fiquei MEGA curiosa com esse livro! *O*

    bjs


    http://www.etecetera-e-tals.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Sabrinaaa... Espero que você leia e goste!

      Excluir
  4. Meu Deus, tenho que ler este livro em breve.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Sua resenha foi muito positiva! Vi outros blogs que não gostaram muito desse livro não...
    Enfim, fiquei sabendo que essa série tem mais de 20 livros. Nossa! :O
    Mas a história parece ser bem interessante.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sabia da quantidade de livros dessa coleção! =O
      A história é interessante, mesmo. Não acho que foi ruim, não! ;D

      Excluir

Assine nosso Feed! Skoob! Siga-nos no Twitter! Facebook!