quinta-feira, 10 de maio de 2012

Em que tipo de confusão se colocou Sophie graças a sua irmã gêmea? Enquanto estava de férias nos Emirados do Barakat, conheceu Sheik Sharif Al Farid. Apaixonado e poderoso, Sophie se sentiu atraída por ele como jamais esteve por nenhum outro homem. Por sua irmã, tinha que manter as aparências, mesmo que o Sheik afirmasse que tinham sido amantes... E que voltariam a sê-lo. 


Esta obra está disponível para leitura online e gratuita no site da Harlequin, conforme link.

* Sobre o estilo de Alexandra Sellers
A autora tem uma narrativa rapidíssima! Escreve de forma concisa e dinâmica, não dando espaço para o leitor pensar em deixar a trama de lado. As frases são muito bem organizadas e completas. Além disso, deixa claro quem comanda as situações em cada cena - e não, não é somente um personagem; a autora consegue transmitir todos os elementos necessários para que o leitor possa amar os integrantes da história.

* Sobre a história de "O Sheik de Sophie"
Sophie, uma virgem assumida, acabou em férias nos Emirados do Barakat - indicação de Zoe, sua irmã gêmea, casada, que esteve naquele local anteriormente. Em suas corridas matinais conhece um homem com porte real e que mexe com seus hormônios - Sheik Sharif. Quando ele afirma a conhecer, Sophie fica confusa: Afinal, o que Zoe aprontou nos Emirados? E é aí que a trama desenrola. A história tem tudo pra dar certo. Os elementos estão ali. Mas...

* Sobre maneira de como a história é contada
...Mas é aí que a autora derrapa. É tudo muito "corrido". Os acontecimentos são relatados muito rapidamente - ok, eu sei que já está bem grande na capa: MINI, mas isso não quer dizer que deva ser algum tipo de "resumo", porque é isso o que pareceu. Cenas que poderiam ser grandes e majestosas acabaram passando "batidas" e, praticamente, sem relevância. A reviravolta, que deveria ser O charme da história, nem existiu. Simplesmente: se conheceram e se amaram. Pronto. Nada mais.
A história é dividida em 20 capítulos - todos disponibilizados gratuitamente no site da Harlequin, e a partir do capítulo 13 a coisa pega uma velocidade! E acaba perdendo um pouco do seu charme.
Mas, como eu já disse, a história em si é ótima, mas o que deixou a desejar foi a ausênci de detalhes, floreios, que fazem toda a diferença para o leitor - ou pelo menos, para mim.
Mas nem tudo é mau! Os diálogos são bacanas, além dos lugares descritos serem paradisíacos - e o leitor fixa os cenários que a autora propõe!

* Aspectos positivos
A proposta é ótima, tem tudo para ser divertida, engraçada, sensual. O Sheik Sharif é um caso a parte *suspira*.
A parte sensual: Não há nada de sexual, a sedução fica nas entrelinhas.

* Aspectos negativos
Exatamente a corrida que há no desenrolar... Se fosse só um pouquinho mais lento, já ajudava a nota a subir!

* Ortografia, gramática e diagramação
Como foi uma leitura online, não tenho muito o que falar sobre diagramação - os capítulos eram "postados" um a um, sem formatação precisa - mas isso não atrapalhou. A ortografia e gramática foram devidamente revisadas e não encontrei qualquer vestígio de erro. Ao que pareceu, a Harlequin manteve-se muito fiel ao original.

* Conteúdo e coerência
Conteúdo conciso, elementos que tem tudo para dar certo. Perde notinhas apenas pelo "Aspectos Negativos"... Nota 6.

Vale a pena ler, sim!


Não deixe de visitar sempre o blog... Você é muito bem-vindo!!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Assine nosso Feed! Skoob! Siga-nos no Twitter! Facebook!